Home » Automobilismo » F1 Malásia: Verstappen vence, com Hamilton em 2º em dia de “barbeiragem” do Vettel

F1 Malásia: Verstappen vence, com Hamilton em 2º em dia de “barbeiragem” do Vettel

O jovem piloto holandês Max Verstappen, que neste final de semana na Malásia completou 20 anos, superou os mais experiéntes, como o inglês Lewis Hamilton, o australiano e companheiro na RBR Daniel Ricciardo e também o alemão, tetra campeão, Sebastian Vettel, para subir pela segunda vez na carreira no ponto mais alto do pódio, dois anos depois de vencer a prova espanhola em 2016.

Em segundo chegou o líder do campeonato, Lewis Hamilton, que na Malásia teve a configuração da sua Mercedes mudada no sábado, depois de ter conquistado a setuagésima pole da carreira, deixando seu carro sem condições de tentar recuperar a liderança da prova, perdida com facilidade para Verstappem na quarta volta.

O domingo para o inglês só não foi pior graças a boa vantagem que ele e o Verstappen abriram no começo da corrida, fruto de uma disputa intensa entre o Ricciardo, RBR e o finlandês da Mercedes, Valtteri Bottas. Na disputa entre a Mercedes e a RBR, Daniel Ricciardo foi melhor se valendo do acerto da sua RBR em relação a Mercedes de Bottas. Superou o finlandês e assumiu a terceira posição no início para não perde-la mais até a bandeira quadriculada.

O domingo da Mercedes na Malásia foi para esquecer. Na luta pela quarta posição entre Bottas e Vettel, o alemão levou a melhor depois de fazer uma prova de recuperação. Vettel largou em último, fruto de um problema no motor Ferrari, que o impediu de sair da garagem para o treino classificatório.

O piloto da Ferrari, que tinha um carro tão melhor que as Mercedes e os outros concorrentes, na primeira volta da prova já estava no meio do pelotão, ajudado pela  estratégia de largar com pneus macios (amarelos), mais lentos, porém mais duráveis. Trocou pelos super- macios (vermelhos) na parte final da prova, onde a pista estaria mais emborrachada, e com o carro mais leve, superou o finlandês, para marcar mais dez pontos no campeonato.

Com essa recuperação e com as Mercedes rendendo menos em Sepang, Vettel diminuiu o grande prejuizo que teria em relação ao Hamilton, líder do campeonato. Já para o Brasileiro Felipe Massa, muito pressionado na Williams com a possibilidade de ficar sem a vaga na equipe inglesa em 2018, anda rendendo pouco, inclusive sendo superado pelo canadense Lance Stroll, companheiro e estreante na categoria. Em Sepang Felipe largou em décimo primeiro, duas posições a frente do companheiro, o décimo terceiro no grid, mas na prova seu rendimento caiu terminando em nono, depois de ser superado no final da corrida pelo novato Stroll, em oitavo.

Outro que anda pressionado por estar sendo superado pelo novato Stoffel Vandoorne é o bicampeão Fernando Alonso que a várias corridas termina atrás do companheiro. Neste domingo a situação se repetiu: Vandoorne terminou na zona de pontuação em sétimo, enquanto Alonso ficou de fora, em décimo primeiro.

O destaque desta etapa foram as Ferraris. No sábado Sebastian Vettel sequer saiu do box para a classificação, por isso largou em último. Domingo foi a vez da Ferrari do finlandês Kimi Raikkonen que não funcionou, impedindo o piloto de largar e obrigando a assistir a corrida pela TV do box da equipe italiana.

A imagem mais interessante da prova foi a barbeiragem de Vettel que destruiu a suspensão traseira de sua Ferrari, depois de bater na Williams do canadense Lance Stroll. Felizmente para o Stroll a batida aconteceu depois da bandeirada final, com Vettel pegando carona na Sauber do compatriota Pascal Werlein. A próxima corrida acontece dia oito de outubro em Suzuka, no Japão.

Confira abaixo as classificações completas da prova e do campeonato.

CLASSIFICAÇÃO DA CORRIDA

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-58373095-2