Home » Automobilismo » Mais um Fittipaldi estreia na Fórmula 1. Agora é a vez de Pietro.

Mais um Fittipaldi estreia na Fórmula 1. Agora é a vez de Pietro.

Depois de Emerson, Wilson e Christian Fittipaldi, mais um integrante da família entra para a Fórmula 1: Pietro Fittipaldi, neto de Emerson, que a partir do GP do Brasil neste final de semana (10 e 11/11) pilotará um monoposto da equipe americana Haas.

O anúncio foi feito na tarde desta sexta-feira (7 / 11) pelo chefe da equipe Hass, Günther Steiner, que declarou que Pietro, Campeão Mundial da Word Series em 2017, terá a oportunidade de dirigir os carros da equipe como piloto de testes e desenvolvimento.

“Estou extremamente feliz de conquistar a vaga de piloto de testes da Haas F1 Team”, disse Fittipaldi, que participou de seis etapas da Indy em 2018 com a Dale Coyne Racing. “Eu gostaria de agradecer ao Gene Haas e ao Günther Steiner pela oportunidade de fazer parte do time. Não vejo a hora de estar com as mãos no volante do Haas VF-18”, completou.

E essa  hora não vai demorar, já que Pietro pilotará a Haas em Abu Dhabi nos testes para jovens pilotos da categoria, na segunda-feira, dia seguinte da última prova da temporada 2018 da Fórmula 1.

Chefe da Haas, o italiano Günther Steiner, vinha mantendo contato com Pietro desde o começo do ano, antes mesmo do grave acidente sofrido pelo brasileiro nos treinos para a abertura do Mundial de Endurance, dia 4 de maio, em Spa-Francorchamps (Bélgica).

Emerson Fittipaldi, em entrevista a repórter da Globo, Mariana Becker, disse que Günther, bastante preocupado, ligou para ele quando estava a caminho do hospital para saber do estado físico do Pietro. Essa confissão do Emerson mostra bem que o futuro do Fittipaldi na equipe será promissor.

Pelo andar da carruagem a saga Fittipaldi na Fórmula 1 continuará. Afinal outro neto de Fittipaldi, o Enzo, já foi adotado pela Ferrari. E há, também, o Emmo (filho do Emerson) que certamente chegará à categoria, pois já faz sucesso  no kart.

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).

Similar posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-58373095-2