Home » Cotidiano » Rota 2030: carro elétrico e híbrido ganha desconto no IPI

Rota 2030: carro elétrico e híbrido ganha desconto no IPI

Dentro do programa Rota 2030 anunciado pelo Governo Federal no dia 5 de julho com as novas regras que a indústria automobilística brasileira deverá seguir nos próximos 12 anos, um item merece destaque: IPI para carros elétricos e híbridos.

Com a nova política, o governo atualizou também a tabela de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) com redução para veículos Híbridos e elétricos, o que deve atrair o consumidor. Isto porque os preços devem ficar bem atrativos, pois a cobrança do imposto, que hoje era de até 25%, baixará para uma faixa entre 7% e 20%, dependendo da eficiência energética e do peso do carro. Ou seja, quanto mais leve e mais econômico, menor o IPI.

“Os incentivos abrem caminho para a eletrificação e a chegada de carros híbridos flex e para o desenvolvimento de tecnologia de célula de combustível a partir do etanol, dentre outras tecnologias. Saiu aos 48 minutos do segundo tempo, mas o “Rota” estabelece com muita clareza uma política para o setor, trazendo previsibilidade, investimentos centrados em P&D e segurança veicular para o  Brasil ser um grande player nessa área, com destaque para os biocombustíveis”, explicou Antonio Megale, presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

Vale destacar que na legislação atual não há incentivo fiscal para esses veículos. Os elétricos pagam 25% de IPI e os modelos híbridos seguem os mesmos critérios dos carros à combustão, ou seja, 25% para os equipados com motor maior que 2.0 litros, 13% para modelos com propulsor entre 1.0 e 2.0 e 7% para modelos com cilindrada até 1.0 litro.

 

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).

Similar posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-58373095-2