Home » Destaque » Kawasaki Ninja 400 chega no Brasil custando R$ 23.990.

Kawasaki Ninja 400 chega no Brasil custando R$ 23.990.

A partir de setembro as revendas Kawasaki estarão comercializando a nova Ninja 400, substituta da Ninja 300, lançada por aqui em 2012. Traz como novidades os novos chassi e motor de 48 cavalos de potência máxima, além de vir de série com ABS. Chega no mercado brasileiro custando R$ 23.990. A Ninja 400 KRT com pintura especial tem preço sugerido de R$ 24.990.

De acordo com a fabricante, foram feitas melhorias a partir da Ninja 300, como o motor de 2 cilindros e 399 cm³, com refrigeração líquida, capaz de gerar 48 cavalos de potência máxima a 10.000 rpm, ou seja, 9 cv a mais que a Ninja 300. O torque passou de 2,8 mkgf para 3,9 mkgf. Esse propulsor trabalha em conjunto com o câmbio de seis marchas com embreagem deslizante e assistida.

Com o novo chassi do tipo treliça, inspirado no da esportiva H2, a Ninja 400 ficou mais leve em 4kg, passou de 172 kg para 168 kg. Além disso ganhou freios com ABS de série (não haverá versão sem ABS). O painel também chega com mudanças. Os designers se inspiraram nas irmãs maiores. Com elementos analógicos e digitais conta com hodômetro total e dois parciais, indicador de marcha, consumo médio e instantâneo, indicador de pilotagem econômica, temperatura externa e do líquido de arrefecimento. Os faróis e as lanternas são de LED.

A nova Ninja 400 traz assento mais baixo, 785 mm do solo, o que ajuda os pilotos de baixa estatura a pilotar com mais segurança e fazer manobras mais facilmente. Outra novidade da Ninja 400 está na garantia de 2 anos. A Ninja 300 tinha 1 ano. A nova Kawasaki chega para brigar de frente com a Yamaha YZF-R3 e também a Honda CBR 500R.

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).

Similar posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-58373095-2