Home » Utilitários » Mercedes-Benz » Mercedes lança o comercial Vito, Van e Furgão, a partir de R$ 104.900

Mercedes lança o comercial Vito, Van e Furgão, a partir de R$ 104.900

A Mercedes lançou no segmento de comerciais leves dois novos modelos: Furgão Vito 111 CDI e Van Vito Tourer 119,
custando entre R$ 104.900 e R$ 139.900, e com itens inovadores para oferecer mais segurança aos ocupantes.

O Furgão Vito 111 CDI disponibiliza 225 kg de carga útil e 6 m³ de volume de carga. O espaço do compartimento para
transporte de mercadorias é revestido com piso naval e nas laterais. Além disso oferece conforto e praticidade para o
motorista e acompanhantes e há opção com ou sem ar condicionado.

mercedes-vito

A Van Vito Tourer 119 conta com duas versões: Comfort com capacidade para oito passageiros mais o motorista, e Luxo, disponível para sete pessoas mais o condutor. Esta última tem bancos em courino, assentos com encosto reclináveis para passageiros, banco para motorista e acompanhante com regulagem de altura, profundidade e inclinação do encosto. Ambas estão equipadas com diversas tecnologias de assistência à condução e de segurança.

Todos os modelos vêm equipados de série com os inovadores sistemas de monitoramento de cansaço (Attention Assist), de partida em rampa (Hill Start Assist) e de vento lateral (Crosswind Assist), como também a versão mais recente do Programa Eletrônico de Estabilidade da Mercedes, o ESP Adaptativo 9.1, que inclui ABS, ASR, BAS e EBV.

No interior do Vito, motorista e passageiros encontram ótimo acabamento e bastante conforto. O que pudemos avaliar durante o teste drive realizado de São Paulo até a cidade de São Roque, região de vinhos. Os bancos são ergonômicos e bem confortáveis para viagens longas. Os ocupantes são beneficiados pelo baixo nível de ruído, observado tanto na versão furgão quanto na passageiro. No compartimento de passageiros da van, os seis bancos são de fácil remoção, podendo aumentar o espaço para transporte de bagagens.

A suspensão é macia, porém calibrada para o veículo carregado. Quando vazio, a traseira fica instável, levantando um pouco. Mas nada que prejudique tanto assim a dirigibilidade. Afinal os modelos foram feitos para andar carregados e oferecer segurança nesta situação. Além do motorista encontrar todos os comandos bem à mão, tem boa visão com a nada modesta área envidraçada.

O Vito mede 1,91 metros dealtura, 5,14 metros de comprimento, 2,25 metros de largura (incluindo retrovisores) e 3,20 metros de distância entre-eixos. As operações de carga e descarga são facilitadas pela porta traseira de abertura vertical com grande vão livre (1,26 m de altura e 1,39 m de largura) e pela baixa altura do veículo em relação ao solo. A porta lateral, com 1,25 m de altura e 961 mm de largura oferece acesso prático.

mercedes-vito

O furgão Vito 111 CDI sai de fábrica com motor turbo diesel OM 622 LA de 4 cilindros e 1.6 litro de capacidade,
oferecendo 114 cv de potência máxima a 3.800 rpm, com torque máximo de 270 Nm entre 1.500 e 2.500 rpm. Para a Van Vito Tourer, os engenheiros optaram pelo propulsor turbo flex (gasolina e etanol) M274 de 4 cilindros e 2 litros com 184 cv de potência a 5.500 rpm com torque máximo de 300 Nm entre 1.250 e 4.000 rpm. Para a transmissão de força são aplicadas caixas de mudanças manuais de seis velocidades.

PREÇOS

Furgão Vito 111 CDI sem ar condicionado – R$ 104.900
Furgão Vito 111 CDI com ar condicionado – R$ 109.900

Van Vito Tourer 8 pessoas – R$ 129.900
Van vito Tourer 9 Pessoas – R$ 139.900

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).

Similar posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

UA-58373095-2