Home » Automóveis » Sergio Marchionne, ex-CEO da FCA e Ferrari, morre aos 66 anos

Sergio Marchionne, ex-CEO da FCA e Ferrari, morre aos 66 anos

Depois da triste notícia de que Sergio Marchionne, ex-CEO da FCA e Ferrari, estava internado em uma clínica em Zurique, na Suíça, em coma irreversível, após a realização de uma operação no ombro, a empresa informou nesta quarta-feira (25/07) que o executivo faleceu aos 66 anos.

“Infelizmente, o que temíamos aconteceu. Sergio Marchionne, homem e amigo, morreu”, afirmou John Elkann, membro da FCA. Marchionne esteve no comando da empresa, antes Fiat, por 14 anos e foi responsável por mudanças significativas. Comandou também a Ferrari.

Após a notícia do coma irreversível no início da semana, a diretoria foi chamada de emergência para uma reunião e anunciou o novo presidente da FCA, o britânico Mike Manley, ex-Jeep.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Silvio Porto

Silvio Porto é um jornalista que estreou na extinta Revista Afinal como repórter fotográfico, passou pelas Revistas Placar e Quatro Rodas onde conquistou prêmios importantes. Viajou pelo mundo cobrindo futebol, os principais salões do automóvel (Paris, Frankfurt, Detroit e São Paulo), além de Fórmula 1 e os lançamentos de carros e motos. Fez parte do quadro de jurados do Prêmio “Carro do Ano”, da Revista Auto Esporte e há oito anos é um dos jurados do Prêmio Imprensa Automotiva realizado pela Abiauto – Associação Brasileira da Imprensa Automotiva. Hoje é diretor e editor do Portal MotorCar (www.motorcar.com.br) e do Blog do Silvio Porto (www.silvioporto.com.br).